Lançamento do CD duplo “Radamés Gnattali: Integral dos Choros para Piano Solo”, pela CPC-Umes

02/12/11

Chega o grande dia de comemorar esse grande momento de minha carreira discográfica, graças à iniciativa da prestigiosa CPC-Umes! Aguardamos todos os apreciadores da boa Música Brasileira!

Serviço:

Evento: Lançamento do CD duplo “Radamés Gnattali: Integral dos Choros para Piano Solo”

Data e Horário: 02 de Dezembro às 20h30

Onde: Teatro Denoy de Oliveira

Endereço: Rua Rui Barbosa, 323 – Bela Vista – São Paulo – SP

Solicita-se o comparecimento ao local NO MÍNIMO MEIA HORA ANTES DO EVENTO

Anúncios

Pílulas de Sabedoria de Radamés Gnattali (V)

20/11/11

RADAMÉS GNATTALI sobre ERNESTO NAZARETH:

Foi em 25 ou 26, no Cinema Odeon, na Rio Branco esquina com Sete de Setembro. Eu vinha andando pela avenida e ouvi um som de piano. Era o Nazareth tocando e eu já conhecia as músicas dele. Nazareth tocava num piano de armário em cima de um estrado, perto de umas cadeiras de veludo, atrás de uma parede de vidro na sala de espera. Toquei várias vezes pra ele. Rui Barbosa ia muito lá, comprava entrada e sentava só pra ouvir Nazareth. Mais tarde, saiu do cinema e foi tocar na Galeria Cruzeiro, vocês se lembram da Galeria Cruzeiro?

Ele odiava que dançassem a música dele, tinha pavor, achava que sua música não era feita para dançar.

Nazareth era muito influenciado por Chopin e escrevia para todas as tonalidades. Um excelente pianista, muito bom, pianeiro nada.”


MAB Interpreta Choros Famosos nos Concertos Magda Tagliaferro

18/11/11

Marco Bernardo e o diretor artístico dos Concertos Magda Tagliaferro, Fábio Caramuru

Foi com imenso prazer que integrei a série “CONCERTOS MAGDA TAGLIAFERRO”, sob a direção artística de Fábio Caramuru e marcando os 25 anos de ausência física desta que é uma de nossas maiores pianistas de todos os tempos, apresentando o recital “CHOROS FAMOSOS”.

O recital ocorreu ontem, dia 17, na CAIXA Cultural São Paulo, às 19h30. Foi uma sensação inenarrável constatar a alegria e entusiasmo de todos os presentes ante a magia dos Choros imortais de JOAQUIM CALLADO, CHIQUINHA GONZAGA, ERNESTO NAZARETH, DONGA, PIXINGUINHA, HONORINO LOPES, SINHÔ, ZEQUINHA DE ABREU, RADAMÉS GNATTALI, JACOB BITTENCOURT e WALDIR AZEVEDO em arranjos da lavra deste que vos escreve.

Os “CONCERTOS MAGDA TAGLIAFERRO”, de 16 a 20 de Novembro, à Pça da Sé, 111, às 18 e 19h30, têm como protagonistas colegas que figuram entre os principais pianistas brasileiros do cenário atual. E o grande “plus” para quem não pode ir aos concertos: os recitais estão sendo transmitidos AO VIVO pela Internet através do site Guia Erudito: http://www.guiaerudito.com.br/aovivo/concerto-magda-tagliaferro.asp#.TsPHSXciMTg.twitter.

IMPORTANTE! Durante os espetáculos, estão sendo veiculados RARÍSSIMOS vídeos, com entrevistas, recitais e concertos de Magda Tagliaferro, gentilmente cedidos pela Fundação Magda Tagliaferro e reunidos especialmente para esta série de concertos, cujos links Youtube em 6 partes seguem relacionados abaixo. SENSACIONAL!

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Parte 4

Parte 5

Parte 6


Pílulas de Sabedoria de Radamés Gnattali (IV)

27/10/11

RADAMÉS GNATTALI sobre CHORO:
“O Choro é o gênero mais evoluído da música brasileira. Existem milhões de choros, mas os bons mesmo são os do Pixinguinha. Bons por estar muito mais elaborados? Não, é porque ele é um sujeito genial, criou aquelas músicas e aquilo é o Choro e acabou.”


Pílulas de Sabedoria de Radamés Gnattali (III)

25/10/11


RADAMÉS GNATTALI sobre “PIANO”:
“Toca alguma coisa”, me pedem.
“Não toco, não estou em dia”, respondo.
O sujeito ri, “ah, então você ainda precisa estudar?”
Pensam que é assim. É claro que preciso estudar, eu sei o que é tocar bem piano. Passei muito tempo só tocando em baile, trabalhando em orquestra e há vinte anos que praticamente não estudava. Perguntei à minha filha Roberta se ia conseguir tocar como antes e ela disse que a musculatura da mão não tem nada a ver com a velhice, mas eu acho que tem. Tenho tocado os Estudos Sinfônicos de Schumann. Tá difícil mas vou chegar lá.
Outro dia, estava ouvindo Mephisto, aquela valsa do Liszt, e o negócio era muito bom, cada vez o pianista ia arrasando mais e no fim o locutor disse “Horowitz”.
É demais! Tenho que tocar desse jeito. Vou estudar pra tocar direito outra vez. Quero chegar no ponto em que estava quando tinha 18 anos e dei o concerto no Rio, vocês leram as críticas? Perguntem ao Arnaldo Rebelo que assistiu ao concerto.
Tocar é muito difícil, escrever é facílimo.


Novos Vídeos de Marco Bernardo no Youtube!

31/08/11

Caríssimos amigos!

É um prazer compartilhar com vcs alguns dos vídeos que registram o sucesso do “Projeto Tessituras” no Centro Cultural São Paulo. Ei-los:

1. Acompanhando Carlos Navas no Programa Mais Você do Ronnie Von: http://www.youtube.com/watch?v=ZKVzjvmd9y0
2. Acompanhando Agnaldo Rayol e Sebastião Teixeira em “Paz do meu Amor”, de Luiz Vieira, no CCSP, em 20/08:

3. Acompanhando Agnaldo Rayol e Sebastião Teixeira em “Fascinação”, no CCSP, em 20/08: http://www.youtube.com/watch?v=2xNw5Dl70DM
4. Acompanhando Sebastião Teixeira em “Improviso” de Francisco Mignone, no CCSP, em 20/08: http://www.youtube.com/watch?v=4FRUTq56JNw
5. Acompanhando Sandro Bodilon, CLáudio Nucci e Dri Gonçalves no CCSP, em 21/08: http://www.youtube.com/watch?v=HSLGPX5xJwg

E ainda há a série de vídeos que podem ser buscadas através de “Agnaldo Rayol e Sebastião Teixeira [Projeto Tessituras] (8/2011)”, de números 12 a 18.

Um bom entretenimento a todos!


Segunda semana do Projeto Tessituras no CCSP

26/08/11

A primeira semana do PROJETO TESSITURAS foi um grande sucesso, trazendo as afinadíssimas duplas Agnaldo Rayol-Sebastião Teixeira e Cláudio Nucci-Sandro Bodilon, que proporcionaram ao público uma verdadeira uma aula de arte e talento. E neste final de semana, o último do projeto, as duplas Renato Braz-Marcos Thadeu e Carlos Navas-Lenine Santos prometem manter a fleugma com suas vozes e repertórios pra lá de especiais!

SERVIÇO:

RENATO BRAZ E MARCOS THADEU: 27 AGOSTO – SÁBADO – 19 HS

CARLOS NAVAS E LENINE SANTOS: 28 AGOSTO – DOMINGO – 18 HS

Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa (631 Lugares)

Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso – Infs: 3397 4002

ENTRADA FRANCA – RETIRE SEU INGRESSO NA BILHETERIA DO CCSP DE TERÇA A DOMINGO, DAS 10 ÀS 22H